Tubo de Ensaio, Parte 4

By João Quadros, Bruno Nogueira

Pela quarta vez consecutiva, esta luxuosa dupla de humoristas reuniu o que melhor fez no programa diário da TSF, Tubo de Ensaio, e dãonos a conhecer, em registo de stand-up comedy, os episódios mais marcantes do nosso país e do mundo em geral deste ano.

Show description

Quick preview of Tubo de Ensaio, Parte 4 PDF

Show sample text content

Pena. O grande vencedor da noite foi O Discurso do Rei. É um grande filme, mas espero que façam um Discurso do Rei Dois, agora com belfos. Ou então com as pessoas que têm uma voz fininha para o tamanho que têm. ecu gostava de ver o Colin Firth no papel do José Milhazes. O guião do filme também venceu o melhor argumento. Não sei se é justo. Bem sei que tem mais two hundred páginas do que os outros filmes, mas a maioria são traços. Ga-ga-ga… Dizem que o filme é muito importante para todas as pessoas que sofrem de gaguez, mas para quem é gago, sinceramente, aconselho o filme Piranha 3D; é que levam com tamanho susto que pode ser que fiquem bons da gaguez.

Uma dúzia de falecidos do Rendimento Social de Inserção, se misturados com restos de mulheres que praticaram o aborto, só para cimentar dá para tapar um buraco de média dimensão numa das ruas da capital. Os ossos dos mandriões do Rendimento Social de Inserção, se bem moídos, dão para fazer ração para alimentar um rebanho de bodes expiatórios. ecu acho bem que as pessoas que recebem estas pensões do Estado sejam obrigadas a ir trabalhar de borla, se o seu meio de transporte para o neighborhood de trabalho for às cavalitas da rapaziada das juventudes partidárias que andam nos comícios.

Por hoje é tudo, despeço-me para me ir enfiar num centro comercial a fazer compras de Natal, mas antes vou fazer um clássico para não estar no meio da confusão, que é uma chamadita com uma ameaça de bomba. Não custa nada, e aquilo fica limpinho num instante. Até é mais fácil de fazer embrulhos. . 32. NA CIMEIRA Nem vou perder pace a cumprimentá-los, vou já para um sugestões para o fim de semana que passou, que tenho aqui gravado, e vou à minha vida. Ora, lá vai. Você teria dado uma tolerância de ponto e uma hora de ponta para ter estado connosco a acompanhar, de perto, a Cimeira da Nato.

Atenção que está aqui uma coisa esperta. Portanto, eles em casa devem falar mais com os azulejos da cozinha do que com a pessoa com que vivem, depois passam o dia todo no trabalho a dar à língua, e à noite, numa ocasião especial, vão estar calados para um restaurante. Mas vão a restaurantes caros para estarem calados! Porque o lógico period irem a uma tasca para ficarem a olhar para pastéis de bacalhau, calados, porque pelo menos não pagavam tanto, mas não, a ideia é irem para um sítio onde se pague um rim humano por pessoa, todos bem vestidos, para depois ficarem a olhar para os talheres durante quarenta e cinco minutos.

28. O PEIXE-BORBA Olá, gente cheia de estilo! … Desculpem. Não sabia que o microfone já estava ligado. Estava só a cumprimentar umas pessoas que iam aqui a passar na TSF. Olá, gente coisa! ecu ando num virote! Vocês nem sabem o que andam a perder. Ou melhor. Vão saber, em mais um Sugestões para o coiso que coiso. Você teria dado um bocejo e um hámster morto para ter estado connosco numa visita ao Oceanário de Lisboa, onde já estivemos uma vez, para ir ver o novo peixe-lua. É igual ao outro em mais pequeno.

Download PDF sample

Rated 4.35 of 5 – based on 14 votes